Deus não gosta de pressão



Cliente com problemas financeiros escreve reclamando que está sem clientes, com dívidas, o gerente cortou o crédito etc. Já expliquei antes como funciona a dinâmica do universo, a prosperidade, a metafísica do dinheiro etc. Respondo de uma maneira bem simples:


- Quanto maior a ansiedade menor o resultado. Quando soltar e entregar nas mãos de Deus tudo andará.


A cliente responde o e-mail assim:


- Mas Professor, como é isso? Eu não preciso fazer nada? Fico aqui esperando sentada? Eu quero trabalhar...


Coloco este diálogo para explicar como é difícil para o ocidental entender o Tao. O taoísmo. A filosofia da ação através da não-ação. Uma coisa extremamente poderosa. Só que para a mente ocidental isso parece não fazer nada. Ficar esperando que caia do céu. Esse tipo de atitude e entendimento corre por conta de quem o faz. Não é isso que o Tao está dizendo. É justamente o contrário. Você faz, solta e entrega os resultados nas mãos de Deus. Do Todo.

Isso foi dito de outra forma a dois mil anos: “Tudo que vocês pedirem, crendo que receberam (verbo no passado), receberão (verbo no futuro)”. Mais claro que isso impossível. Ou a pessoa acredita ou não acredita. Se acredita cria, se não acredita não cria. Só que essa confiança tem de ser 100%. Como quando você faz um pedido num restaurante. Tem certeza que vem. E vem. Outra coisa, não se deve tentar a Deus. Isto é, forçá-lo a fazer milagres para provar que é Deus. Como Deus conhece tudo, onisciente, onipresente e onipotente, Ele pode fazer o “impossível”. Não existe impossível para Deus. Apenas que Ele trabalha com a eternidade e sempre pensa no melhor para os seres em termos de eternidade. Como já foi dito: “Os meus pensamentos não são os seus pensamentos”. O paradigma Dele é totalmente diferente do paradigma humano. Ele ama incondicionalmente e os humanos fazem guerra, exploram, manipulam, escravizam, mutilam etc. (Um longo etcétera).

Então fazer dívidas contando que terá os clientes é absurdo. É ir contra as leis do universo. A galinha precisa de um tempo para botar o ovo. Tente pressionar a galinha para botar logo e verá o resultado. Galinhas são seres altamente emocionais e não gostam de pressão. Tente pegar uma galinha num campo aberto e entenderá isso. Quanto mais fazê-la botar antes do tempo. E também não adianta matar a galinha para pegar os ovos antes do tempo.

Quando se chega ao nível Co-Criador é que se pode pensar/sentir e criar a realidade. Enquanto isso está aprendendo com coisas pequenas. Portanto, fazer dívida e contar com o ovo na galinha é imprudência total. Querer que os clientes venham na “marra” é absurdo. É preciso enxergar a realidade que os humanos criam, as crises em gestação como está em que estamos e trabalhar com a realidade. Simplificar a vida, tirar a complexidade demasiada, pagar as dívidas, adequar-se à realidade, cortar os custos, só gastar o que ganha ou menos do que ganha etc. Viver dentro das possibilidades. E não por pressão nos clientes nem em Deus. E esta pressão é um sentimento. Não é preciso expressar isso para o cliente. Basta sentir e já estragou tudo.

Quando se confia em Deus vive-se de acordo com o fluxo do universo. Usa-se a Teoria do Caos a nosso favor; quando está subindo guardamos, poupamos, investimos, crescemos; quando está descendo, usamos o que poupamos e aproveitamos as oportunidades de crescimento. Como significa o ideograma japonês: crise e oportunidade são a mesma coisa.

Portanto, confiar em Deus e trabalhar. Existe solução para todos os problemas. Hélio Couto /2013


VEJA TAMBÉM: